Feito de cálcio e enxofre que podem contaminar a terra e a água dos lençóis freáticos, o gesso é responsável por 10% do volume de uma obra. Seu descarte irregular ainda é um problema para cidades e estados.

Os resíduos do gesso resgatam as caraterísticas químicas da gipsita, minério do qual o gesso é extraído, após sua separação de outros resíduos da construção. Assim, o material limpo pode ser utilizado novamente.

São as Áreas de Transbordo e Triagem (ATTs) devidamente licenciadas que recebem resíduos de gesso, assim como outros materiais. Nas ATTs, os resíduos são triados e homogeneizados.

 

Aplicação:

Área de Transbordo e Triagem (ATT)ctr-servicos_recebimentoRCDProcessamento do gesso Fluxograma de reciclagem de gesso